A VIDA TEM UM INÍCIO, TEM UM FIM, EU ESTOU A DESCOBRIR O MEIO.

.posts recentes

. QUATRO DE DEZEMBRO DE 201...

. COMO O TEMPO PASSA...

. E outro Natal chegou!

. Coisas "boas"

. 4 de Outubro - Dia Inter...

. Pelo sonho é que vamos...

. O seu aniversário

. Meio da vida

. Anjos e Demónios

. Primavera é a rainha das ...

. O que oferecer?

. Encantos da minha vida.

. Obrigada pelo miminho!

. Sapatinhos vermelhos

. E a Primavera chegou.

. Sair do Buraco

. Estou a ficar "cota"

. Cura para a neura

. Acabaram-se as férias

. Teatro da vida

.arquivos

. Dezembro 2011

. Agosto 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.links

Segunda-feira, 17 de Março de 2008

A ineficácia do INEM

Por vezes ouvimos comentários, reclamações e damos connosco a pensar que se calhar não é bem assim. Na passada terça-feira tive a prova de que é assim, ou pior  - fiquei frente a frente com o "monstro", numa situação surreal. Por volta das dezoito e trinta verifiquei que o meu pai estava a respirar com muita dificuldade e tinha febre. Quatro dias antes, a médica esteve cá em casa e receitou-lhe antibiótico para uma infecção pulmonar, mas a situação agravou-se. Liguei para o 112, várias vezes porque a chamada era desligada e finalmente falei com um senhor que depois de fazer imensas perguntas, me disse que a  ambulância viria rapidamente . Esperei uma hora e... nada. Voltei a ligar mais não sei quantas vezes e a chamada a ser desligada, até que alguém informou que ia fazer a ligação. E... aconteceu o incrível! Fiquei durante seis minutos e quinze segundos a ouvir uma avó babada com a neta, enquanto ambas  viam o Nodi e falavam do relógio do Nodi e dos amigos do Nodi. E eu à espera de socorrer o meu pai. Desliguei e voltei a ligar. Desta vez passaram a chamada a uma senhora que afirmou não ter qualquer informação do pedido anterior. A ficha tinha-se perdido, e pior, disse que acontecia muitas vezes. Finalmente às vinte  e trinta o meu pai deu entrada nas urgências do hospital de Setúbal, onde ficou internado com pneumonia. Mas esperou duas horas para ser socorrido.

Depois disto,  não acredito que o INEM funcione bem. Ninguém pensa que do outro lado da linha está uma pessoa aflita, para quem todos os minutos contam e  estas situações causam verdadeiro desespero.

Só espero que o meu querido pai estabilize e melhore depressa para voltar para o cantinho dele.

Tanto quanto me apercebo está a ser bem tratado, mas estou  muito preocupada. Rezo para que possa voltar para casa depressa. Entretanto fico lá das catorze até às vinte horas. Faço-lhe companhia e  "chateio" médicos e enfermeiras para saber como está a evoluir e que tratamentos lhe estão a fazer. Hoje, um dos médicos disse que quando for velho quer uma filha como eu. Sorri-lhe,  porque considerei um elogio.

Fico com pena de tantos velhotes que lá estão, sem que a família os visite. A velhice pode ser muito triste.

Jinhos

Dinha  

sinto-me: revoltada zangada preocupada

publicado por Maria às 21:18

link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De INEM a 18 de Março de 2008 às 14:00
Exma. Senhora,

O INEM dá a máxima atenção às reclamações. Por isso mesmo, caso seja seu desejo, sugiro que nos enviei uma reclamação para o endereço que abaixo se indica, fazendo um relato da situação, indicando o dia, a hora aproximada, a localização e ainda o número de telefone através do qual ligou 112.

Após recepção destes dados, iremos proceder ao levantamento de toda a informação relativa à ocorrência, analisar a informação recolhida e retomar o contacto, dando as explicações devidas.

Efectivamente, todas as reclamações são devidamente analisadas neste Instituto, pois essa é uma das formas que temos para melhorar continuamente a qualidade dos serviços prestados.

Melhores cumprimentos,

Ana F. S. Ros

Gabinete de Comunicação e Imagem
Instituto Nacional de Emergência Médica
Rua Almirante Barroso, 36 / 1000-013 Lisboa – Portugal
Tel. + 351 213 508 108 / Fax. + 351 213 508 183
e-mail: ana.ros@inem.pt
Internet: www.inem.pt


De Maria a 20 de Março de 2008 às 19:57
Agradeço a sua informação e vou fazer como diz. Continuo a acreditar que os ideais que estiveram na criação do INEM são bons. Mas algo se perde pelo caminho, alguém deixa de cumprir a sua obrigação, deixando as pessoas muito aflitas e é o bom nome do serviço que está em causa. Fiquei contente por receber a sua mensagem. É um sinal de que se pretende corrigir o que está errado. Como utente e cidadã deste país espero que assim seja.
Muitos cumprimentos
Dinha


Comentar post

.mais sobre mim

.Visitas

net tracking stats

.online

blogs SAPO